NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

19 de jun de 2010

ALEMANHA, ARGENTINA. E O JEC!

Pois não é que depois de vinte e poucos jogos na Copa do Mundo, em que apenas Alemanha e Argentina ousaram balançar as redes do adversário por quatro vezes, do lugar mais improvável vem outra goleada. Mais especificamente da Arena Joinville: JEC 4 X 0 indiada do Oeste.
Porra, se o Capello ganha 8 milhões de euros ano (com um orçamento deste estaríamos na série B há muito tempo), pra oferecer um England 0X0 Argélia, prefiro gastar 25 merrecas, sentar nas arquibancadas de concreto, e sofrer o JEC na veia. Ver Lima - duas vezes, Elton e Ricardinho balançarem as redes da Chapecoense e nos levarem - em primeiro lugar - para as semi-finais do returno da Copa Santa Catarina.
O único senão é que as coisas não são excludentes, e me sinto obrigado, pelo tanto que gosto de futebol, a aturar as peladas internacionais e desejoso de ver as também peladas do Joinville Esporte Clube.
Eu vivi, em minha infância, os (últimos dois ou três dos primeiros doze) anos áureos do JEC, e mal-acostumado a ver aqui os times da primeira divisão brasileira - para se ter idéia vi aqui os menudos do São Paulo - Silas, Müller e Careca, vi Casagrande, Vladimir, Carlos e Édson do Corinthians, vi Jorginho, Leonardo, Júnior, Zinho pelo Flamengo, etc. etc., assistir aos atuais jogos repetitivos contra Brusque, Chapecoense e quejandos dá uma certa vontade de afundar em depressão profunda.
Mas, adotando o bordão mais canalha e mentiroso desse nosso Brasil-il-il, sou obrigado a parafraseá-lo: sou jequeano e não desisto nunca. E, por fim, num enfadonho sábado à tarde, quando o JEC goleia - ou ganha sofregamente por um a zero, saímos todos do estádio com a tênue esperança de que o pior já passou, e um dia nosso time ainda voltará àquele passado, ao mesmo tempo, longínquo e nem tão distante assim, pensando em Vinícius de Moraes: "e nada como esse apelo da lembrança, para se transfigurar numa esperança...". AVANTE, JEC!

Nenhum comentário:

Postar um comentário