NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

1 de out de 2010

E EU QUE ACHAVA QUE O JEC IA MAL!


Eu te amo, meu Brasil, eu te amo!
Peço licença para sair um segundinho do assunto mais importante do Brasil - o JEC e o acesso - para tratar da eleição para Presidente da República, coisinha secundária.
Assisti à porcaria do debate presidencial. Não dormi porque de tão chata a conversa, o sono não conseguia chegar.
Pensava eu comigo que se no debate imaginário para a presidência do Joinville, o Márcio e seu eventual adversário viessem com a conversa mole que Dilma casa civil quebra de sigilo Roussef, José dinheiro da roseana na mesa Serra, Marina mato verde queimado na beira da praia Silva e Plínio quatrocentão milionário viajandão na maionese Arruda Sampaio gastaram hoje, estaríamos então no pior dos mundos possíveis para o Tricolor (e parece que estamos).
Uma discussão presidencial nesse nível é de uma tristeza atroz. Se o JEC se resumisse a essa pobreza em que o Brasil está, eu abandonava o meu time. 
Márcio presidente!

Ainda bem que meu título eleitoral está guardado lá no Cafundó dos Judas, em que morei há uns anos. Agora, meu título eleitoral do JECÃO está em dia, positivo e operante, e amanhã, se eu quiser, posso ir até a Arena e votar contra ou a favor da diretoria que está aí. E acho que pelo menos na eleição jequeana eu voto e mudo (ou escolho a continuidade) alguma coisa. No Brasilzão, tanto faz. Serra, Lula, Marina, Plinio. Pobreza extrema, pouca coisa mudará nos próximos 4 anos, e se mudar, pior será. Chatice inacreditável. Estamos todos rumo à terceira divisão: o JEC e o Brasil. AVANTE JEC! Pra frente Brasil, 90 milhões em ação!

Nenhum comentário:

Postar um comentário