NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

31 de jan de 2010

CNTP - CONDIÇÕES NORMAIS DE TEMPERATURA E PRESSÃO


Serei breve! É importantíssimo não perder hoje, em Ibirama. Em dois jogos fora (Brusque e Atlético HA), quatro pontos seriam bons. Seis, seriam ótimos, e se conquistados aumentariam em muito as chances de título no primeiro turno - lembro que é importante ficar em primeiro, pela vantagem de jogar a semifinal em jogo único, em casa, e pelo empate; e a final de dois jogos, com a última peleja na Arena.
Teremos Metrô e Juventus em casa - seis pontos certos, e dois jogos difíceis em viagem (Avaí e Chapecoense). Dá pra chegar. O Ibirama ainda vai tropeçar. A Chapecoense já tropeçou, o Avaí é perigos. A boa campanha do Ibirama é, a meu sentir, pura sorte.

Jogaremos na panela de pressão de Ibirama. Não porque seja um estádio assustador, muito menos um temível esquadrão de futebol o tal de Hermann Aichinger, mas sim porque o Vale do Itajaí tem um clima terrível, abafado. Temperatura prevista de 31 graus (às 19h30 deve estar um pouco mais fresco) e umidade de até 85% fazem com que o jogo seja lento, e provavelmente, "chuveirado", jogando-se as bolas na área, eis que o campo é minúsculo - já chamei de "campo de várzea", e repito o epíteto.

Por fim, o técnico deles é o famigerado Gelson da Silva, que ano passado foi razoavelmente bem em Joinville, mas depois da quarta ou quinta partida, em cada turno, entregava o ouro. Que ocorra o mesmo esse ano, e que comece hoje a derrocada dos índios de Ibirama (curiosa a cidade, tá cheia de alemão e tá cheia de índio, das reservas ali da localidade).
PS: Não deixem de ler o post abaixo, sobre o trigésimo quarto aniversário do nosso Clube.

Avante, JEC!

Nenhum comentário:

Postar um comentário