NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

6 de dez de 2011

O ELENCO 2012 - QUEM FICA, QUEM SAI, QUEM DEVERIA FICAR.

Não ficamos pra trás!
Depois da reunião que definiu os primeiros passos após o título, criando a base do elenco para 2012, dou meus pitacos. Deixo o post específico sobre o Arturzinho para amanhã.
Assim será o JEC no início do próximo ano:

Goleiros - Ivan renovou; Max saiu - tá certo, é um jogador veterano, e quando titular não correspondeu. Wanderson também vai - mais um acerto. Devemos contratar um goleiro mais jovem, talvez mais barato que o Max, e contar com a sorte, de que Ivan não se machucará. Talvez pra Série B, contratar alguém experiente. Não há erro aqui.
Laterais. Ficam Eduardo, Tiago Real, Badé, e Gilton, se não for negociado (até pela volta que ele deu sozinho para cumprimentar a torcida, acho que tá pensando em sair). Tá tudo certo. 
Zagueiros: Ficam Pedro Paulo, Linno, Charles. Renato Santos sai - porque assim quis. Fabiano Silva fica. Ênio fica pelo menos no Catarinense. Mais uma vez, perfeito.
Volantes: Ficam Glaydson, Mateus e Tarcísio (esse veio agora no final de ano ou é da base?). 
Meias. Jailton deve sair (só volta se o Atl-PR liberar). João Henrique fica. Ramon e Ricardinho ficam. Jocinei tem de ficar (e melhorar), até porque é da base. 
Atacantes. Lima e Aldair ficam, é certo. Rangel também permanece. Kiko, da base, integra o elenco.
Abre o olho, Gonzagão!
O técnico, até final de fevereiro, será o Milioli, o Luiz Gonzaga, para segurar custos (economiza pelo menos 60 dias de um salário mais alto, ou seja, no mínimo 180 mil a menos de custos, e se ficar até o final do campeonato, 6 meses de despesa a menos - 540 mil). Só o tempo dirá se o barato não sairá caro, e me aprofundarei no tema amanhã.
Ou seja, em resumo, saem: Max, Wanderson, David, Tarracha, Renato Santos, Zanutto, Capixaba, Jailton, Eduardo Salles. Dispensas corretas. Perdemos mesmo os jogadores que quiseram sair ou tem pendências com seus clubes de origem.
Ficam Ivan, Jhonatan (G); Eduardo, Badé, Real, Gilton (L); Linno, Pedro Paulo, Fabiano Silva e Ênio (Z); Glaydson, Mateus e Tarcísio (V); Ricardinho, Jocinei, Ramon e João Henrique; Lima, Aldair, Rangel e Kiko.
O elenco tinha 28 ou 29 jogadores. Destes, permanecem 21.
Não se trata de desmanche, como já li por aí, e afirmo que isso foi dito apressadamente. Trata-se de revisão pontual dos rumos atuais, e planejamento para 2012. Dois jogadores vão embora porque querem, o JEC dispensou 6, que a bem da verdade, nunca foram utilizados. 75% do elenco ficou, mesmo com as dispensas voluntárias. 

O clube dá todas as dicas de que o Miliolli não terá autonomia para mexer no esquema. Manteve todos os zagueiros e laterais que são a base desse jogo no 3-5-2. João Henrique será o homem rápido que pode ser a "cópia" do Jailton ou Ramon o jogador cadenciador, ou seja, teremos de jogar do mesmo jeito, procurando, em verdade, dois jogadores para "fechar" o time: um pro lugar do Capixaba e outro pro lugar do Jailton.
O próprio Gonzaga, em entrevista ao AN de hoje disse "teremos uma reunião [com a Diretoria] nesta terça-feira para ver como isso vai ser, para ver até onde posso ou não posso ir".

Começamos bem. Linno cobre a do Renato Santos. Aldair será titular pelos lados do campo em substituição ao Ronaldo. João Henrique ou Ramon farão a meiúca, em vez de Jailton.
Tenho convicção de que as manutenções e dispensas seguem o plano-2012 que havia sido alinhavado pelo Arturzinho. Se ele tivesse ficado, teria acontecido exatamente a mesma coisa.
Não vejo nada de errado. O clube acertou (exceto por perder o Arturzinho), dispensou bem, só não segurou quem não dava pra segurar - aqueles que quiseram sair. 
Pela lógica, o início de 2012 será sem sobressaltos. Já é alguma coisa. Depois a gente vê depois.  AVANTE, JEC!

45 comentários:

  1. Sandrão - JOINVILLE6 de dezembro de 2011 11:43

    Jequeano,

    Veja como as coisas aconteceram com o Arturzinho no Bahia:

    http://voudekombi.blogspot.com/2007/12/arturzinho.html

    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Concordo, a diretoria acertou até onde era possível.

    Pensaram assim: renovamos com a base do time ou damos o aumento para o Rei Artur? Optaram pelo elenco.

    O Arturzinho sai agora mas nos deixa uma herança, qual seja, um grupo campeão, confiante, que adquiriu um padrão de jogo. Com isso conseguimos nos virar, acredito eu, durante o estadual.

    Para a série B, competição muito mais difícil, tanto pelo índice técnico como pelo longo calendário, precisaremos de um técnico que possa segurar a barra, manter o grupo unido, no caso de alguns tropeços.

    O Rei Artur seria capaz de fazer isso, já o nosso atual Rei do Baião eu nao sei. Agora, para o Estadual, ele dá conta sim, até porque o time jogará por si próprio.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom esse link Sandrão, parece que o Arturzinho saiu do Jec pelos mesmos motivos que saiu do Baia, a diferença é que aqui ele éra querido por todos inclusive pela imprensa.
    Será que alguém sabe, ou a diretoria poderia informar, quanto ele ganhava quando entrou no JEC, quanto ele pediu para ficar, e quanto a diretoria o ofereceu?

    ResponderExcluir
  4. O nosso goleiro Ivan tem tudo para se tornar um ídolo do JEC, como o Lima. O cara recusou proposta até 10.000 reais a mais para permanecer no tricolor. Ganhou mais ainda a minha admiração. Outro caro que admiro muito é o Eduardo, o cara do drible, do futebol de alegria e é super simpático, fui lá no Müller ontem, em frente a Cassol para os campeões autografarem a minha camisa e o Eduardo alugou meu filho de 2 meses, pegou ele foi mostrar pros outros jogadores tirou foto. Muito legal ele também ter renovado.

    Agora dá licença que meu time é campeão da série C!

    ResponderExcluir
  5. É amigos, ele saiu do Bahia pelo mesmo motivo. Conversei com algumas pessoas que me disseram que o Arturzinho queria amarrar algumas coisas no contrato que estava dificultando a renovação. Coisas do tipo: premiações altíssimas em caso de título, acesso e vitórias em jogos importantes. O "home" gosta de forçar a barra. Mais é um baita profissional.
    Sandrão, você poderia trabalhar na imprensa kkkk.

    ResponderExcluir
  6. O link do Sandrão é bastante ilustrativo, fiquei impressionado com as semelhanças.
    Leonardo. Salário era 25. Ele pediu 90. Não sei se houve contraproposta.
    Nem pensei, JOnas, em rei do baião, só no mesmo nome, Luiz Gonzaga, mas mandaste muito bem. usarei no futuro.
    Guesser, o Ivan pensou no presente e no futuro. Esses 10 conto que ele disse que abriu mão, poderá recuperar facilmente, e com sobras, fazendo uma boa série B no JEC.
    Ab, ST.

    ResponderExcluir
  7. O que Arturzinho pediu ao Bahia:
    1 - Salário de R$ 50 mil, com a condição de ser pago até o dia 10 de cada mês;
    2 - R$ 1 mil (por vitória) e R$ 500 (por empate) em jogos sem premiação;
    3 - Nos jogos que fosse estabelecida premiação, ele queria bicho dobrado;
    4 - Premiação de R$ 100 mil para a conquista do título de campeão baiano; R$ 300 mil para ser campeão da Copa do Brasil; e R$ 500 mil para reconduzir o clube de volta à Série A;
    5 - Um casa com valor de aluguel em torno de R$ 3 mil e R$ 3,5 mil no bairro de Villas do Atlântico, área nobre do município de Lauro de Freitas, vizinho a Salvador. E mais um carro alugado no valor de R$ 1,5 mil;
    6 - Uma passagem ida e volta todo mês para o Rio de Janeiro;
    7 - Passagem anual (Rio de Janeiro/Salvador/Rio de Janeiro) para a sua família.

    Isso ele pediu ao bahia na época, que não seria muito diferente daqui do JEC. Porque o presidente Márcio disse que os custos com ARturzinho chegariam a 100 mil reais. salário + aluguel de casa + Passagens para o Rio = 100 mil. Vai treinar clube da Série A, porque na Série B é difícil. OBRIGADO ARTURZINHO, mas...

    ResponderExcluir
  8. Sandrão - JOINVILLE6 de dezembro de 2011 15:06

    Douglas... eu acho que já trabalho muito mais que alguns da imprensa! ;) hahahahaha

    Na semana passada eu havia comentado aqui no blog que ouvira dizer que o que estava pegando na renovação do Arturzinho eram as exigências de premiações X produtividade.

    Esse link com as informações sobre a saída do Bahia, só reforçam essa questão!

    E vou lhes dizer... não que não seja merecido o cara atrelar premiações em caso de sucesso e boa produtividade. Nada mais justo. Mas se o Bahia não pode, o JEC muito menos! Infelizmente.

    Estamos de olho!!! hehehe ;)

    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Sandrão - JOINVILLE6 de dezembro de 2011 15:41

    Outro assunto importantíssimo e muito mal divulgado até agora. Acho que caberia um post sobre isso Jequeano:

    http://www.portaljec.com.br/2011/12/06/convocacao-alteracoes-no-estatuto-socios-do-jec-estao-convocados-para-votar-dia-09-12/

    Eu vou lá pra ver isso de perto! E vocês?

    Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Estou confiante com o trabalho do Rei do Baião, o cara acompanhou toda a tragetória de Arturzinho e além disso não é nenhum desconhecido, trata-se de um bi-campeão catarinense, a base foi mantida e qualquer um de nós seriamos capazes de escalar o time do dia 22/01 tendo em vista que o time sofrerá apenas duas alterações em relação ao time de sábado.
    Não esqueçam que Arturzinho também era uma icognita, muitos até tinham medo.
    Além de praticamente todo o elenco, ficam o preparador físico e os auxiliares, todos muito motivados com o reconhecimento.
    Nossos principais concorrentes estão começando praticamente do zero, avai, figueirense criciuma montarão times novos, mesmo que com mais dinheiro que nós, isso não é garantia que irá encaixar.
    Sem dúvida Arturzinho fará falta, mas temos que lembrar que uma andorinha sozinha não faz verão.
    Essa diretoria à meu ver acertou novamente, e quanto ao Gonzada, esse sabe que acaba de receber a chance de recomeçar assim como o próprio Artur.
    Como sempre diz Edson Paraná, 2012 está me cheirando bem.

    ResponderExcluir
  11. Vejam isso.
    Mais uma vez o França disse tudo.
    http://nossajoinville.com.br/franca/2011/12/06/casamentos/

    ResponderExcluir
  12. Post irrepreensível. Disse tudo, Jequeano.

    Isso porque o Arturzinho fica para outro. Ainda saberemos os meandros dessa "não-negociação" que parece ter havido entre o Alemão e o "Artur, o breve".

    Vou escrever de novo: algo me diz que o destino do Arturzinho é a parte continental da capital menos significativa do país.

    ResponderExcluir
  13. Arturzinho tem que tomar cuidado para não virar um novo Andrade.

    ResponderExcluir
  14. Mário, pode ser realmente que Arturzinho pinte no brócolis, porque o Jorginho já se pirulitou. Mas vamos aguardar o "desmanche" do melhor time do Estreito. O lateral já foi pro parmera, o W. Nem já foi, e muitos outros irão. Time de boa campanha, mas sem a grana dos grandes, perderá muitos jogadores. Obrigado pelo elogio.
    Sobre o Arturzinho, tá prontinho o post de amanhã.

    É isso aí, Jean, a espinha dorsal de preparação física, auxiliares, ficaram. O elenco ficou 75%. Não precisamos começar a arrancar os cabelos antes de as coisas acontecerem.

    Sandro, como disse pro Mário, amanhã Arturzinho, sexta pela manhã, que é o dia da assembleia, sai o post do estatuto, se eu tiver tempo para escrever.

    Ab, ST

    ResponderExcluir
  15. kkkkkk. O blog de um torcedor do Vitória/BA faz uma análise da Série B de 2012 e já põe o JEC como rebaixado. Olha isso:
    Joinvile: O novo integrante do segundo escalão deve voltar de onde veio.
    Isso foi o que ele disse. Alguns torcedores "atentos" visitaram esse blog e viram essa "afronta" e "denunciaram" através do twitter. kkkk. Ja são mais de 50 comentários de torcedores do JEC descendo o pau no cara. kkkkk.

    http://valmerson.wordpress.com/2011/12/05/definida-a-serie-b-2012-veja-a-caminhada-do-esporte-clube-vitoria/#comment-3273

    O Mário também passou por lá e como sempre, elegantemente torceu o pescoço do "miseravi". kkk. Não tenho a elegância do Mário, já entrei e apelei fácil com o camarada. kkkkk

    ResponderExcluir
  16. Meu negócio é números, Douglas. Difícil o cara responder... hehehe

    Pena que o JEC não consegue transformar os números de que a cidade (e sua torcida) dispõe em números na sua conta corrente.

    ResponderExcluir
  17. Tem um tio meu que era meio patrocinador de uma dupla caipira (não era ainda esse tempo do sertanojo) que lançou um disco, que vendeu umas 20 cópias, se tanto, e como ele pagava pros caras, ele pagou para botar seu nome como autor de uma música. Chamava "Querida, não perca seu tempo", e não sei como não estourou (rs).
    Pois eu não vou perder meu tempo com o vandelcleuson, lá do Vitória.
    Particularmente, acho um time meio antipático. E ultimamente vem vivendo de espasmos. Sobe, desce, fica por ali, amorcegando.
    Li o que vanderneilson falou, mas vou deixar para lá.
    Ab, ST.

    ResponderExcluir
  18. Mário, ontem eu estava bem triste com a situação do Arturzinho e tal. Mas, depois de uma boa noite de sono, pensando com mais calma e vendo esse "furo" de "reportagem" do sandrão hoje fiquei mais calmo. Hoje mário, a maioria dos clubes no nosso país tem de optar por um bom semestre. Ou faz um ótimo primeiro semestre, ou então poupa para ir bem no Brasileirão. Acontece todos os anos e posso mostrar para vc isso. Em 2010 o Vitória foi finalista da copa do brasil e depois foi rebaixado, em 2011 o Avaí foi semifinalista da CB e foi rebaixado. O Sport Recife foi rebaixado justamente no ano que perdeu para o palmeiras nas oitavas de final da copa libertadores. Dou esses exemplos porque, tirando os grandes que vivem de dinheiro antecipado de cotas de TV, todos os demais tem que optar por um dos 2 semestres. Vejamos o ano de 2010 para o JEC: péssimo primeiro semestre e um segundo semestre magistral. Acho que a nossa diretoria está pensando nisso Mário, um estadual pro gasto e depois despeja dinheiro na série B, o que eu acho uma boa. estive triste ontem, mais hoje to sorrindo depois de esfriar a cabeça e entender que a nossa diretoria manteve a base desse ano para a próxima temporada. vamos sair na frente dos outros concorrentes em Santa Catarina. O Avaí acaba de contratar o Diego palinha, meu deus, quem é esse cara. Sorria Mário, estamos bem kkk. Lembren-se: O Gonzagão é BI (uiiii).

    ResponderExcluir
  19. Eu quis dizer alí o ano de 2011 para o JEC ok. Segundo semestre de 2011.

    ResponderExcluir
  20. Li também. Um pouco é culpa histórica do JEC, que ficou esses últimos sete anos na penumbra do futebol brasileiro e as pessoas acabaram esquecendo quem é o JEC. Ele comentou meio no chute, afinal de contas, a mídia só fala em Floripa e o cara acaba achando que o JEC é um timinho de interior sem torcida que não briga por nada. Depois da chuva de comentários no blog dele, aposto que ele já reconhece a nossa força e vai pensar 55 vezes antes de comentar algo ruim do Glorioso Tricolor. Mas bem que ele podia ter pesquisado um pouco da história dos clubes antes de dizer que esse não vale nada e aquele outro é uma potência que vai brigar pra subir.

    ResponderExcluir
  21. Diego palinha, Douglas? HAHAHAHa E o cara do blog do Vitória falando da "força" do Avaí HAHAHAHAHA

    Avaí é um a menos na briga pelo Estadual 2012.

    ResponderExcluir
  22. Fui ler a postagem do cara do Vitória. O sujeito está tendo uma tarde de aula intensiva sobre o JEC e Joinville. Hahahahaha. Só dá jequeano comentando no blog dele. Acabei lembrando da letra do funk dos Hawaianos: "Mexeu com o bonde do JEC, aguenta as consequência". Hahahahahaha.

    ResponderExcluir
  23. E no blog do Fronzi a notícia de que FELEJ e prefeito Charles Chaplin chupinharam para o ministro dos esportes a ampliação da Arena. Será que o prefeito consegue dar o troco no Tebaldi nas eleições do ano que vem? Não boto fé. Há pouco tempo para se conseguir o dinheiro e fazer uma nova licitação até as eleições do ano que vem.

    ResponderExcluir
  24. Entendo, Douglas.

    Mas não acho que o 1º semestre seria tão encarecido assim. A menos que o Rei do Baião faça o time seguir no mesmo passo do Rei Artur, penso que vamos ter os percalços de sempre: time vai mal, traz outro treinador, não resolve, muda de novo. Daí chegamos à série B tentando recuperar o tempo perdido. Como nem sempre a sorte sorrirá ao JEC com um Arturzinho, isso tem muita chance de dar errado. O trabalho contínuo, com a mesma base do time e o mesmo treinador - que já deu certo, e muito certo - tem muito mais chance de fazer o time chegar na série B com muito mais qualidade.

    Mas não tiro a razão do Marcio em se preocupar com as finanças. No mais, um pouco de ousadia é sempre necessária para se dar um passo adiante. Não esqueça que em 2004 o presidente da época (recuso-me a escrever o nome do energúmeno) deu declarações de que estava montando um time para subir para a série A. Resguardadas as diferenças até de objetivo (o Marcio quer, antes de tudo que o JEC prospere), se começamos o ano pensando em não cair, onde poderemos chegar.

    Outro ponto é interessante. Chape no ramerrame de sempre, Criciúma sem grandes novidades, Figueirense em adiantado processo de desmanche e Avaí de Ovelha não podem asustar tanto assim. Mas é preciso algum cuidado, como sempre, com a raia miúda. Brusque, Metrô, Marcílio e Ibirama sempre complicaram a vida do JEC. Só que em 2012 o JEC entra com outro espírito. O time vencedor voltou.

    ResponderExcluir
  25. Informa o blog do Rodrigo (Brusque) que no próximo ano Metropolitano e Brusque utilizarão jogadores do Figayra e Avaí. Chapecoense utilizou o mesmo expediente durante a série C com jogadores do Avaí, e não é de hoje que tem relações mais estreitas com o time dos smurfs (vide camp. estadual de 2009). Motivo para nos preocupar com relação à lisura dos jogos? Acho que sim. Mas boto fé no nosso grupo, temos time para bater de frente com qualquer um nas semi-finais e final do estadual. Vamo que vamo JEC.

    ResponderExcluir
  26. Nem que o Carlito não consiga a grana para começar as obras antes da eleição (é difícil, com certeza), acho que ele devia tentar.

    Quem sabe consiga fazer só o segundo nível do setor azul e cobrir ali? Aumentaria a capacidade para umas 25 mil pessoas e a cobertura garantiria um público de uns 10 mil tricolores, mesmo nos "raros" dias de altos índices pluviométricos na nossa gloriosa Chuville.

    E de quebra teríamos que voltar para o Ernestão por algum tempo. Matar a saudade...

    ResponderExcluir
  27. Nunca teve tanta audiência o blog do Baiano, aprendeu com a imprensa de Floripa, para ter audiência basta falar do JEC.

    ResponderExcluir
  28. Eu coloquei no tal blog baiano que assim como eles não têm nada contra o JEC, nós também não temos nada contra o VICE-tória. Fui olhar de novo o comentário e ele tinha corrigido e colocado Vitória hahaha

    ResponderExcluir
  29. Até fiquei com pena do Vandeco Petroleiro. Coitado, choveu paulada nele. hehehehe
    Muito bom.

    ResponderExcluir
  30. kkkk. Gente, e o que era o Weber no jogo Sábado? Meu Deus do céu, ele conseguiu estragar a festa que todo mundo gostaria de ter feito. Não parava de falar um minuto depois do jogo, tava chapado, cherado, fumado e sei lá o que mais. Bicho chato, Deus que me perdoe. Ele tava insuportável. Ou foi só impressão minha? Heim Emerson, você que sempre está atento as coisas que acontecem. Jeses amado, o homem tava dopado sábado. kkkk

    ResponderExcluir
  31. É verdade, Douglas. O homem tava cheirado hehe No intervalo ficou enchendo o saco e falou umas 575 vezes pro pessoal que estava perto do placar que não era pra ficar sentado na mureta. Mas faz parte do espetáculo hahaha

    ResponderExcluir
  32. Chato era apelido, quando a torcida engrenava numa cantoria, la vinha ele com aquela bosta de microfone cortar o embalo.
    Se fosse eu que tivesse na tal mureta eu mostrava era o páu la de cima, pra ver se ele iria encher o saco ainda.

    ResponderExcluir
  33. Acabou de passar notícias dos clubes para o ano que vem no Sportv News, e o nosso JEc já esta reintegrado no cenário nacional. Deram notícias do JEC. Aeeee. kkk. Carlos Eduardo Lino detonou o salário que o Arturzinho pediu e colocou a entrevista do nosso presidente Marcio falando que era inviável a permanência de Arturzinho no sentido financeiro. Estamos de volta!

    ResponderExcluir
  34. É isso aí, Douglas. Chegamos na série B causando! Hora de a diretoria saber valorizar os espaços que serão abertos para os patrocinadores aparecerem.

    ResponderExcluir
  35. Falando em patrocínios, o jornal AN traz hoje matéria sobre a rede de lojas Salfer. É dito que a rede planeja para 2012 um faturamento de 1 (um) bilhão.
    Porra, não é de hoje que o investimento deles em propaganda na TV é gigante.
    Será que alguém da diretoria já foi pedir um patrocínio, ao menos para o backdrop?!

    ResponderExcluir
  36. Jonas,

    sei que a Salfer chegou a cogitar patrocínio para o Caxias em 2011. O projeto não foi adiante por razões óbvias.

    Creio que essa organização pode ser um grande parceiro para o JEC. Tem necessidade de propaganda por estar em um mercado altamente competitivo. Sua área de atuação (crescente) abrange SC e PR, estados onde o JEC vai jogar 8 jogos pela série B, que terão uma boa visibilidade na TV (Sportv e PPV). Além dos jogos do estadual, naturalmente. Mas isso vai depender de como será a negociação das transmissões para 2012. Esse ano foi a palhaçada do Zunino com a RBS de mostrar só 2 times, que todo mundo sabe quais são e ninguém fora de uma região metropolitana assiste.

    Creio que o que está faltando é levar um projeto bem estruturado, mostrando a boa visibilidade que a marca terá em 2012 se for associada ao Joinville Esporte Clube.

    A "Lojas Salfer" é uma organização genuinamente joinvilense. Começou há aproximadamente meio século e lembro-me ainda de sua principal loja por muitos anos, que ficava ali na Av. Getúlio Vargas, quase esquina com a R. Rio do Sul. Meu pai trabalhou lá na década de 60 e jogava futebol de salão pelo time da firma nos campeonatos de comerciários. A empresa cresceu muito nas mãos dos herdeiros do Sr. Alfredo, o iniciador da empresa, e hoje é um dos principais nomes do ramo no estado, rivalizando com grandes empresas de SC e do Brasil.

    Todos têm a ganhar com o patrocínio da Salfer para o JEC. Mas tudo depende de um projeto que consiga convencer a empresa dos benefícios de associar seu nome ao do clube. Melhor momento para isso não aconteceu nos últimos 10 anos.

    Poderíamos falar de outros nome de empresas que, se não são mais genuinamente joinvilenses, nasceram na cidade e ainda têm fortes raízes na Manchester Catarinense. Mas vamos ficar por aqui...

    Apenas mais um recado: não ouvi nada sobre uma apresentação do JEC na ACIJ, entidade que congrega a elite empresarial de Joinville. será que não está na hora?

    ResponderExcluir
  37. Para registro: o Coritiba tem bons zagueiros disponíveis no elenco. Com a contratação (e agora manutenção) de Jéci e Emerson e a presença de Pereira, jogadores como Demerson e Cleiton deverão ter pouco espaço no Coxa.

    Que tal aproveitar o bom relacionamento com o clube paranaense e levar um substituto para o Renato Santos?

    ResponderExcluir
  38. SALFER: Realmente acredito que uma ínfima parcela do que eles gastam com TV já nos seria um ótimo patrocínio. O fato inegável é que essas propagandas de TV tem um retorno incrível (eu não presto atenção em comerciais, mas parece que a grande maioria da população não só presta como acredita na propaganga), que acho difícil que patrocinem o JEC, mas seria espetacular.

    O JEC vai começar a aparecer cada vez mais, e deveríamos ter alguém para contabilizar essa visibilidade, até para poder mostrar isso a possíveis novos patrocinadores.
    Ab, ST

    ResponderExcluir
  39. Concordo plenamente, Jequeano. A contabilização da visibilidade deve fazer parte do trabalho da agência contratada. No momento não há o que medir, mas provavelmente vão apresentar o potencial de exposição, baseado no que foi visto na campanha de outros clubes da série B em 2011 ou em anos anteriores.

    É sempre bom lembrar que apenas Sport (17.204), Vitória (11.850) e Náutico (11.643) tiveram médias de público superiores à do JEC (11.231) em 2011. Se a capacidade da Arena fosse 20 mil desde o início e se não tivesse havido o dilúvio no primeiro jogo contra a Chapecoense, o JEC poderia passar Vitória e Náutico.

    Quanto aos outros atores, eis os números dos que subiram da B para a A, da C para a B e dos que caíram da A para a B.

    Portuguesa: 4.417
    Ponte Preta: 5.199
    CRB: 9.666
    Ipatinga: 1.090
    América-RN: 3.231
    Atlético-PR: 14.179
    Ceará: 12.699
    Avaí: 6.785
    América-MG: 4.756

    Considerando todos esses times, o JEC teve em 2011 o 6º melhor desempenho de público. Entre os que estarão na série B em 2012, foi o 4º, atrás de Atlético-PR, Ceará e Vitória.

    São números importantes e que devem ser mostrados ao patrocinador.

    ResponderExcluir
  40. Acabou de passar o o "treiler" kkk do filme: "A Saga do Coelho". Filme que será lançado daqui a alguns dias e estará a disposição do torcedor tricolor. Filme que mostra todos os passos da saga do nosso time e da nossa torcida nesse sofrimento que parecia não ter mais fim. Bastidores, vestiários, hotéis, arquibancadas e jogos. Tudo isso será bem retratado nesse filme que promete vender como água neste Natal. Boa sacada da diretoria e acredito que será um ótimo presente de Natal. É bonito ver um menininho beijando a camisa tricolor e exclamando: O JEC É A MINHA VIDA!!

    ResponderExcluir
  41. Ta aí o trecho do filme:
    http://www.youtube.com/watch?v=YQMbaLA_1mQ

    ResponderExcluir
  42. O menino mostra o que será o futuro do JEC. Se alguém ainda tem dúvida da grandeza da torcida, é só olhar imagens como essa e perceber que ela só faz aumentar.

    Dizer que apenas 12% dos joinvillenses tem o JEC como primeiro time é um absurdo inominável, desmentido tanto pela presença de público nos jogos quanto por imagens como essa.

    ResponderExcluir
  43. Vamos lá JEC!!!

    Já que não é possivel saber se o mundo vai acabar mesmo em 2012 e se as teorias Maias são verdades ou mitos o negócio é correr como se não houvesse amanhã para ganharmos este título e sermos os ultimos campeões da história!

    http://katipsoizunontee.zip.net/index.html

    ResponderExcluir