NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

4 de mar de 2013

JEC 752 DA VULCABRAS. E, TAMBÉM, COSTEANDO O ALAMBRADO

COSTEANDO O ALAMBRADO:
Dizia o finado Leonel de Moura Brizola que quando o cara queria trocar de lado (ui!), mudar de time ou partido político mas não tinha a coragem pra fazer isso logo, estava ajeitando o terreno, o sujeito estava "costeando o alambrado". 
Pois depois de 5 meses lá no Oeste do Paraná, estou de mudança. Adivinhem pra onde: - Criciúma. É, a vida nos prega algumas peças.
Mas não se assustem - nem estou costeando o alambrado e não há o risco de pular a cerca. Irei ao Heriberto Hulse, quem sabe pra ver a final do Catarinense, oxalá pra ver o Tricolor da Manchester Catarinense dar mais uma vez a volta olímpica no campo do Tigre, além de aproveitar para ver alguns jogos do Brasileirão, ali, camuflado, secando o Tigre. Estou morando a 150 metros do Estádio do Criciúma. 

JEC vence o Guarani - um 7-5-2 da Vulcabrás.
O 7: O JEC venceu o Guarani da Palhoça por 7 a 0. Já vencemos, em outros tempos, um ou outro jogo por 5 ou 6 gols, inclusive no ano passado, durante a Série B, derrotamos o Ipatinga por 6 a 0. Mas que eu me lembre, eu assisti a apenas um outro jogo em que marcamos 7 gols, e foi contra o Marcílio Dias, um 7 a 3, ainda no Ernestão em maio de 1997, com Bandoch em campo, fazendo merda na defesa, tentando consertar no ataque.
Um time com seis mudanças, e funcionou. Contra quem é a pergunta que se deve fazer, mas sobre isto falo mais além. 
Um time rejuvenescido, com as ausências de dois volantes além dos 30 anos (Augusto Recife e Carlos Alberto), e na meiúca a presença do bom e jovem Artur Maia, e o ataque com dois jogadores abertos (Matheus Carvalho - este também guri - e Kim). Mas que me parece que há algo de errado dentro do clube, ou do elenco, ah, isso me parece. E essa impressão foi reforçada hoje pela manhã, com uma (duas na verdade) demissão inesperada. Passo ao 5.

DEMISSÕES
O 5: No jogo do bicho, o grupo 5 é o cachorro. E sobre este se diz ser o melhor amigo do homem. 
Mas convenhamos que a demissão do preparador físico Réverson Pimentel , de forma inesperada, não teve nehuma demonstração de amizade,  de consideração pelo que foi feito pelo profissional, e nenhum motivo concreto - ao menos que tenha sido revelado, e se pode dizer que foi uma "cachorrada". 
A culpa pela campanha não mais do que razoável ou mediana é do Reverson? Ah, convenhamos. Artur Neto tem muito mais responsabilidade por não ter montado ainda um time confiável, que conseguiu a façanha de perder para Camboriú e Juventus, num único turno de campeonato.
Fábio Menezes (irmão do Ramon) também foi pro vinagre.

É bom que o trabalho do Artur Neto dê certo. Porque, se não der, muita coisa que vinha sendo feita e construída há algum tempo terá sido destruída em poucos meses. Esse técnico tá começando a me irritar. E não pensem que um sete-a-zero contra ninguém convence alguém de alguma coisa.



O 2: O Guaraná do Palhaço veio jogar em Joinville depois de ter enfrentado o bvaí na quarta-feira à noite, às 22h, e ter se defendido ferrenhamente nos últimos 45 minutos, tentando assegurar uma vitória - que afinal, não veio. Acabaram o jogo esfalfados e moralmente exauridos. Então, pela lógica, na 5ª feira o time folgou, na sexta viajou, e no sábado tomou o sacode do JEC
Convenhamos que pegamos um time mortinho, fisicamente. É claro que fizemos muitos gols no começo do jogo, quando o Guarani nem estava tão cansado assim, mas a meu ver nosso jogo ficou muito facilitado pelo desgaste físico do time da Palhoça. 
Vamos ver o returno, se já não começamos fazendo merda contra a Chape.

É isso. Estou em Criciúma, e voltando a postar após 30 dias de silêncio. Espero retomar a freqüências dos textos. AVANTE, JEC!

18 comentários:

  1. Disse o Nereu ontem que a decisão foi só dele e que alguns jogadores serão dispensados esta semana por indisciplina e não por deficiência técnica. Disse ele, ainda, que o lima foi poupado no jogo por ter sentido uma fisgada na coxa no sábado.
    Se o lima ouviu a entrevista do Nereu, deve ter sentido uma fisgada no cú, isso sim. Te cuida não.

    Bom, estamos em quarto lugar. O negócio agora é ser campeão do returno pra pegar o de pior índice técnico na semi.

    É ridículo o Jec ter o maior público do catarinense com 7 mil de média. Esse horário de sábado a tarde e o trânsito da 280 tira a vontade da rapaziada aparecer.

    No mais, tomara que tu se lanhe inteiro no arame farpado se quiser passar pro outro lado. Nem nova schin ganharás mais.

    PS: Deveríamos apresentar esse blog pro tal de sheik bixona do figayrense que está sempre no blog passionais. hehehehe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vcs pegaram muito pesado com o Sheik. Deixa ele acreditar nas historias dele, Aspen, fodao no surf, que a dupla da capital mete medo no interior etc.Coitado, Torce pra um time falido, é bichona e segurança desempregado kkk, convidam ele ai pra dar umas risadas ja que não tem nada pra fazer mesmo ate o brasileiro.
      ab
      Fabricio

      Excluir
  2. Boa tarde pessoal....no passado, em muitas vezes, tinhamos problemas "extra-campo"...depoís de algum tempo parece que voltamos a ter...alguns jogadores estão se perdendo no sereno Joinvillense ...espero que esta saída do Reverson abra o olho dos atletas porque o do Nereu já abriu.

    Abraços tricolores

    ResponderExcluir
  3. Também penso que há coisas que não podem ser divulgadas, pois com certeza todo o prestígio que o Reverson tinha com o Nereu não se acabaria com este papo de Somalia, etc...

    o JEC está passando por uma fase onde precisamos arrumar a casa para continuarmos crescendo.....talvez o Nereu esteja botando ordem na casa e se for com a ajuda do Arthur Neto, não me importo...o problema é que tinha (ou ainda tem) muitos funcionários (principalmente jogadores) que pensam que podem fazer o que querem baseados no passado de 3 a 4 anos atrás...esta fase já passou!!!

    Bola pra frente!

    ResponderExcluir
  4. Fernando, Ivan, é bem verdade que já antes do jogo contra o Guarani o Nereu vinha falando do Somárlia, que levou 50 dias para chegar perto da forma física desejada, e que alguma coisa vinha acontecendo.
    Ouvi o Aurélio Ramos hoje à tarde e ele disse que há coisas que a diretoria não divulgou e que os rolos já vinham do ano passado. Tomara que não seja uma invenção do Nereu, e sim uma correção de rumos.

    Bocão, Fabrício: Nem conhecia o tal de sheik, fui olhar lá no "os passionais" - um blog de que não gosto muito, tanto que não linkei aqui no blog. Deixa esse otário pra lá. Se vier pra cá, será limado (assim como o Lima vem sendo pelo Artur).
    Ab, ST.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jequeano, preciso falar contigo...

      Excluir
    2. O telefone ainda é o mesmo. Qquer coisa te ligo amanhã.

      Excluir
    3. Olha... quando sai o casamento?

      Pixonas!

      Excluir
  5. Edson Paraná; fpolis (vão pro inferno manezada do caralho)5 de março de 2013 17:04

    Nôs conte amigo Jequeano, como foi a aventura lá pelas bandas de Guaira;PR (cidade simplesmente linda, ou não ? ). Nosso Deus, vejam só pra onde o Jequeano foi deslocado, logo pro segundo maior território inimigo (a meu ver) da grande massa TRICOLOR. Sim convenhamos segundo porque o primeiro tds sabemos qual é, não é mesmo (VÃO PRO INFERNO MANEZADA DO CARALHO). Heim Jequeano, estando agora próximos vamos combinar para assistir o jogo valido pela sétima rodada do returno dia 07/04 entre o agora teu time (cri-cri HAHAHA KKK) e o MEU TIME (JEEEEEC). Combinamos ok nobre amigo ST. Ei figuraça Bocão, eu com toda delicadeza (UI!) já enviei pra esse ''loco'' tal de skeik 4 mensagens mas como naquele blog tem moderador imagine se alguma foi publicada. JEEEC CAMPEÃO DO RETURNO E ESTADUAL 2013. EU ACREDITO. ST

    ResponderExcluir
  6. Ouvindo o França ontem, ele deixou no ar que talvez RP tinha uma relação muito estreita com alguns jogadores.
    Penso que talvez isso tenha sido o fator preponderante para sua demissão, a amizade ficou superior ao profissionalismo e com isso perdeu respeito no grupo (amigão do peito, aquele que é faixa mais não é vascaíno).
    Percebi que muitos saíram em defesa do RP, mais até o momento ninguém deixou claro o motivo de sua demissão, eu acredito que alguma coisa aconteceu.
    Abraço RAFAEL

    ResponderExcluir
  7. Porra Jequeano, seu blog esta parecendo informativo paroquial (feito mensalmente), porra não abandone.
    Até o Fabrício acessa frequentemente, penso que esse doido já é tricolor de coração.
    Abraco

    ResponderExcluir
  8. kkkkkkkkk...........Como diziam os antigos lá do do Bairro Glória, muitos deles frequentadores de um estabelecimento comercial na Rua Colon, se o Fabrício não for uma PIXONA pode torcer sim para o JEC...RAFAEL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem uma nem outra coisa,sou do CCN(Cervisso cecreto nacional) de superintendência da funai, fico só no monitoramento de áreas rivais, essa semana mais ainda precisamos saber como vem o inimigo. Confesso que se não tivesse visto o Guarani jogar recentemente estaria preocupado.
      Ab Fabricio

      Excluir
  9. Caro amigo Edson, as aventuras por lá não foram ruins não, o que lascava era a distância da nossa terrinha - 770 km. O trabalho era bastante bom, e a cidade não era tão ruim como me contavam. O foda realmente era a distância de quem se gosta e as viagens de ônibus da Pluma, como contei nesse link que segue http://migre.me/dxZmR . Era uma aventura a cada viagem.

    Rafa, o blog tava igual a menstruação, uma vez a cada 28 dias. Vou voltar a escrever mais, ainda hoje (agora é 1h15, e estou estudando pra resolver alguns feitos), sai um texto sobre o provável fim do Ernestão.
    E quem frequenta boteco lá na Colon só pode ser gente boa, ainda que pixona.

    Ab, ST

    ResponderExcluir
  10. Fabrício, o nosso falecido e saudoso ex-prefeito de Joinville, sr. Wittich Freitag, acabou de dizer o seguinte no seu perfil do twitter:

    Wittich Freitag ‏@FreitagAlive
    A CHavez se foi, a CHorrão e por consequencia a CHarrlie Brrown Xuniorr tampém. O CHapecoense q se cuide com a JEC domingo entom!

    Sei lá, mensagem do além é mensagem do além... hehehe

    Farou.

    ResponderExcluir
  11. Então meu amigo Jequeano... Talvez você já tivesse conhecimento deste leilão (já designado pela JT), e o que tudo indica o Ernestão vai para o vinagre. Lastimável!!!
    Ontem o França mencionou que o imóvel foi avaliado em 14 milhões, é obvio que se não for arrematado em primeiro pregão (é isso?) "me coregi" se estiver errado, no segundo certamente o imóvel será arrematado (pois no segundo o lance mínimo começa em 50%) do valor avaliado.
    Exemplo.: Supermercado Giassi, esta atrás de um imóvel naquela região para abrir outra filial desta vez na zona sul da Manchester Catarinense, e outras empresas também entraram na briga.
    Mudando de saco para balaio (rss), não esqueça de enviar seu novo número do seu "molecular" que certamente será alterado, e te desejo sucesso em sua nova empreitada.
    Te considerado uma pessoa espetacular, e imagino o quanto foi difícil ficar no PR, mesmo que tenha sido por pouco tempo.
    Sei que você não teve dificuldade alguma em relação ao trabalho, cidade ou pelo desafio mais sim pela distancia da prole.
    Não deve ser fácil ficar longe da esposa e filho (este com tenra idade), no entanto aí em Criciúma você esta a poucas horas de casa, e vamos ver frequentemente o boné verde nas arquibancadas da Arena.
    Abraço; RAFAEL

    ResponderExcluir
  12. Cara essa do Janas tem que ficar nos anais da história do blog.
    Muito Boa.... RAFAEL

    ResponderExcluir
  13. Espero que estas turbulências momentaneas sejam todas sanadas o mais rápido possível. Seria conveniente que o segundo turno iniciasse com tudo resolvido, o que parece ainda estar um pouco longe. Esperemos então que para série B, esteja tudo saneado e que possamos fazer uma boa campanha. As vezes alguns fatos são oculatdos para preservar a imagem dos envolvidos. Cabe a nós torcedores fazer nosso papel, torcer e incentivar o time. Dá-lhe JEC... meine Leute! Vamos checar os verdes....pois em principio o jogo em Xanxere não será casca grossa.

    ResponderExcluir