NASCEU CAMPEÃO

Tu és a glória dos teus fundadores

12 de nov de 2012

DOM SEBASTIÃO VOLTOU: ARTURZINHO, ARTUR NETO - IMAGINA QUANDO VIER O ARTURZÃO.

falei aqui sobre o sebastianismo, aquela eterna espera pelo salvador, aquele que resolverá todos nossos problemas. 
O mais antigo eterno desejo da torcida era quem agora está aí: Artur Neto. Não sem motivo! Nossos dois últimos títulos estaduais foram sob seu comando, e lá se vão onze anos sem levantar o caneco do Catarinão. Depois, recentemente, Arturzinho passou a ser o desejo de todos, nas arquibancadas, no botecos, nas ruas. Já tivemos o Arturzinho (o filho), o Artur Neto: imaginem se tivéssemos um Artur pai. Seria um desespero de nossa gente tricolor.

Mas, calma aí! Eis mesmo o nosso salvador? Quem tem acompanhado de perto a trajetória do Artur Neto? Eu reconheço que não estou tão por dentro assim. Seu último trabalho foi no rebaixado Atlético-GO. Assisti mesmo apenas à vitória do Atlético contra um time chileno, e os comandados de Artur jogaram bem. Mas se recorrermos à wikipedia, veremos que o Artur queridinho  do vovô treinou da primeira divisão o Goiás (com quem chegou à final da Sulamenricana), Atlético-PR e Atlético-GO. No mais, seu lugar tem sido a Série B, e principalmente em Goiás, onde também treinou o Vila Nova. Artur estabeleceu-se com um bom treinador de Série B, com ocasionais aparições - modestas - de Série A.

Torço imensamente para que dê certo, mas não quero depositar em um homem todas as nossas expectativas. O fato é que temos saudade do cara que treinou o JEC há 11 anos. Será o mesmo? Terá melhorado? Terá piorado? - Sua fama é de um homem obcecado com o trabalho, detalhista, supersticioso, e que chega a ser até chato de tanto que exige (ou reclama, depende do ponto de vista). 
O que mais precisamos é o que vem sendo paulatinamente (talvez até menos do que deveria) feito pelo Clube: estrutura, planejamento, formação de um elenco mais fixo e mais qualificado, permanência longa na Série B (quiça com um acesso rápido à primeira divisão).
E a salvação do JEC foi, e tem sido uma só: a torcida.

Amanhã é a estreia de D. Sebastião, fora de casa, contra o Camboriú, e ele já chega com a missão (nem tão difícil assim) de vencer a Copinha, eis que pelo que soube - não corri atrás dessa informação com profundidade - a CBF, do nada, alterou o ranking de clubes e de uma posição entre o trigésimo e o quadragésimo, iríamos pra lá da sexagésima posição no ranking e estaríamos fora da Copa do Brasil por esses critérios. É ir lá com o time titular e patrolar. Não se pode admitir que o sexto colocado na Série B pene para vencer o Camboriú. 
Vencer a Copinha é mais um daqueles pequenos passos que o JEC tem de dar - para que 2013 seja melhor que 2012 e continuemos nessa ascensão. Classificar para a Copa do Brasil, e ali, quem sabe, avançar três ou quatro fases, e nos metermos de novo, em uma competição nacional, entre os dez melhores. AVANTE, JEC!

7 comentários:

  1. Fiquei feliz com a contratação do Artur Neto, pois trata-se de um técnico com larga experiência, um ótimo histórico e identificação com o JEC.

    Gostei principalmente por um motivo: por ser macaco velho, não vai se deixar levar por certas "malandragens" dos jogadores, ou seja, se neguinho tiver de corpo mole, acho que poderá pintar um chá de banco até o caboclo mostrar trabalho...nem vou falar em nomes, mas já ficou nítido na última partida que tinha gente que já tava com mais vontade e dedicação em mostrar seu futebol...quem ganha com isto é o JEC!

    Vamos entrar muito bem na temporada 2013...

    ResponderExcluir
  2. Isto se o mundo não acabar dia 21/12/12......

    ResponderExcluir
  3. Mario L. Nascimento12 de novembro de 2012 14:10

    Não acompanhei muito de perto a primeira (e vitoriosa) passagem do nosso D. Sebastião. Sei que o Artur Neto é um sujeito minuioso (alguns diriam chato), exigente. Se esta for uma característica fundamental para o desenvolvimento do seu trabalho, gostaria de avisá-lo de que terá um trabalho imenso. Vendo de fora, só consigo ver o elenco do JEC como uma turma difícil, com alguns cheio de marra, meio donos do time. Este será um nó (talvez o principal) a desatar.

    Outro nó será a falta de personalidade. O JEC perdeu a vaga na elite por causa dela. De novo, a velha soma de pontos perdidos de forma estúpida: ABC(2), Barueri (2), Ipatinga(3), ASA (1), América-RN(1). E não vou mais adiante porque esses 9 deixariam o JEC em posição privilegiada. Não garantido, mas muito na briga. O catarinense será o teste da personalidade. Se mais uma vez o time tropeçar em Juventus, Guarani, Camboriú ou Ibirama, o sintoma será claro: continua faltando personalidade. Aliás, tem um teste anterior: a Copinha ainda não terminou!

    Também tenho um pouco de receio de alguns "revivals". Alguns treinadores podem estar "datados" e já vimos isso recentemente. O Gonzaga Milioli no JEC e, exemplo mais claro e mais assustador, o Felipão no Palmeiras. Alguns dos resultados recentes do Artur Neto não são muito bons mesmo. Mas não conheço as circunstâncias e prefiro aguardar para ver o seu trabalho nesse novo ciclo no tricolor. Acredito que pode dar certo.

    ResponderExcluir
  4. O Artur Neto tem estrela contra o marcílio hein.

    ResponderExcluir
  5. Elmo Osni de Oliveira14 de novembro de 2012 18:23

    O Artur Neto é um bom treinador, claro que não é um técnico renomado da série A, mas ainda estamos na série B e ele está entre os melhores da B, ganhou alguns estaduais, conquistou acesso com Atletico-GO/2009, levou o Goias a final da Sulamericana, antigo sonho dos torcedores, inclusive muitos fizeram inumeras piadas, trocadilhos e desmereceram Arturzinho sonhando com Artur Neto, enfim, é muito cedo para tecer comentários, já se passaram 11 anos, não sei como será sua nova passagem no Joinville, mas acredito que foi uma boa escolha, o unico problema, na verdade o problema nao é dele e sim da nossa bela imprensa (principalemnte o grupo RBS) que travaram um batalha culminando a sua saida na época, realmente é um cara intolerante com a impressa, mas também pudera, muitos questionamentos merecem um ''tapa na orelha'' kkkkk

    Com relação ao ranking apesar de complicar as coisas para o tricolor da manchester me parece de certa forma um tanto quanto justa, pois contabilizará o desempenho dos clubes nos ultimos 5 anos, (na minha opinião esse ranking para Copa do BRasil nao deveria existir e sim dar as 10 vagas da CBF conforme a clasificação do umtimo Brasileiro, seria mais justo), assim sendo, estamos de volta apenas esse ano, penso que temos que refazer nossa história novamente para entrar na elite, mas se estamos disposto a isso acredito que não devemos mais ficar de fora dessa competição, pois SC terá três vagas e o Joinville poderá conquistar uma delas naturalmente, por outro lado deve se recolocar no cenário Nacional disputando a série A novamente e assim aumentar sua pontuação no ranking.

    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Elmo Osni de Oliveira14 de novembro de 2012 18:29

    Complementando o comentário do Jequeano, hoje a Copa Santa Catarina é a competição mais importante no momento para nos recolocar novamente na Elite, é inadimissivel ficarmos de fora da CB2013, porém devemos fazer um apelo a torcida para apoiar o time, comparecer na Arena e levar esse caneco!!!

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Elmo, tivemos uma boa vitória contra o Camboriú, e realmente, mais dois ou três anos na série B ou A e um Catarinensezinho nos garantirão automaticamente na Copa do Brasil. O ranking me parece justo, e já estamos melhores agora do que estaríamos há dois ou três anos.

    Mário, Lenzi: não sou contra o Artur, muito pelo contrário; só esbocei a preocupação de estarmos indo atrás da estrela (o Nereu disse que faria outra aposta), esperando um revival de algo que foi ótimo, mas foi há onze anos. Temos que pensar adiante, e tomara que Art.Netto saiba para onde devamos ir.
    Ab, ST

    ResponderExcluir